Advogado paraibano é nomeado Coordenador de Interiorização da OAB Nacional


O advogado paraibano João de Deus Quirino Filho foi nomeado pelo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Beto Simonetti, como Coordenador Nacional de Interiorização da OAB. A posse do paraibano no cargo aconteceu nesta quinta-feira (17), durante solenidade na sede do Conselho Federal da Ordem, em Brasília (DF).


João de Deus foi vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), na gestão 2019/2021, e presidente da Subseção da OAB de Cajazeiras, no Sertão paraibano.


O presidente da OAB-PB, Harrison Targino; e o conselheiro federal da OAB e ex-presidente da OAB-PB, Paulo Maia, participaram do evento. Harrison ressaltou que a posse de João de Deus na Coordenadoria Nacional de Interiorização da OAB, que terá um orçamento inicial de cerca de R$ 20 milhões, é uma grande conquista para a Paraíba.


“A Coordenação Nacional de Interiorização, sob a coordenação do cajazeirense João de Deus, representa a maior força e o maior prestígio até agora obtidos pelo Sertão da Paraíba na história da OAB”, ressaltou Harrison.


Harrison e Paulo Maia destacaram ainda que a nomeação de João de Deus é mais um compromisso assumido nas eleições passadas que se efetiva na atual gestão. "Compromisso assumido, compromisso cumprido com a advocacia do Sertão", declarou Paulo Maia. Não só a criação da Coordenação Nacional de Interiorização como o nome de João de Deus para o exercício do cargo foram sugeridos por Harrison e Paulo Maia, ideias que foram prontamente absorvidas pelo presidente da OAB Nacional, Beto Simonetti.


João de Deus, por sua vez, agradeceu ao presidente Beto Simonetti, à articulação que foi feita pela Diretoria da OAB Paraíba para levá-lo ao cargo e se comprometeu em dar o melhor de si para fazer um grande trabalho em prol de toda a advocacia brasileira.


"Estou muito feliz, pronto, entusiasmado e preparado para servir a toda a advocacia brasileira, levando ao interior do Brasil as ações e a presença da OAB. Calcado na experiência adquirida no exercício de cargos da OAB, no conhecimento das necessidades do interior e ouvindo os colegas sertanejos, se Deus permitir, farei uma gestão amparada na eficiência e na agilidade, buscando atender os legítimos interesses e as necessidades da classe, conferindo a cada dia mais respeito e dignidade aos profissionais que militam no interior”, afirmou

106 visualizações