Comissão de Combate a Impunidade e Violência contra a Mulher e GEM auxiliam vítimas de assédio

O Grupo de Estudo e Pesquisa em Gênero e Mídia lançou, na semana passada, em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), por meio da Comissão de Combate e Impunidade contra a Violência a Mulher, a plataforma de denúncias contra assédios sofridos dentro da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

A proposta de dar voz e visibilidade para um problema diário na vida de mulheres também conta com apoio do Instituo Avon e da ONU Mulheres, que compuseram a mesa de debate para que o assunto fosse amplamente discutido e problematizado.

A presidente da Comissão de Combate e Impunidade contra a Violência a Mulher da OAB-PB, Katiele Marques, destaca que o GEM permite que as vítimas de assédio tirem suas dúvidas e, se assim desejarem, levem o caso para processos jurídicos. Além de Katiele, a Comissão é comporta por Iris Cristina Meira e Phaloma Costa Benício.

O site do GEM disponibilizará uma F.A.Q. jurídico, com perguntas mais frequentes das mulheres. A partir dessas perguntas, as representantes da OAB responderão como a vítima poderá agir juridicamente e, em casos mais difíceis, poderá marcar uma reunião com uma das advogadas da Comissão para receber melhores encaminhamentos de suas ações”, explicou Katiele.

“O importante é não se calar e procurar ajuda. Dependendo do caso e se a vítima resolver se identificar, iremos encaminhar o ocorrido para a rede. No casos anônimos, respondendo as perguntas. A ideia é que todas as perguntas e repostas fiquem tanto no site do GEM como no site da OAB, para que haja dois instrumentos de visibilidade”, acrescentou.

Katiele finaliza lembrando que quem precisar de auxílio, basta enviar sua dúvida, pergunta ou sugestão para o email comissaocvm@oabpb.org.br.

0 visualização
emails.jpg

INFORMATIVOS OAB-PB

Receba nossos informativos no seu e-mail

arrow&v
b-caa.png
b-esa.png
b-prev.png
b-oab.png